Facebook Twitter Google+ RSS Blog Gastrovia
BUSCA
Onde?
GUIA
Localidade
 
COLUNISTAS - Manoela Peressinoto
Comida de verdade e outras mentiras
27/04/2012


Há algum tempo li uma reportagem sobre os 10 piores alimentos da atualidade, listados por uma nutricionista canadense. Bem, a lista você já deve imaginar: refrigerantes, bacon, pizza, batata frita etc., e os motivos por terem sido classificados como tal também: excesso de colesterol e gordura trans, risco de obesidade, inflamações, infarto! Concordo com cada argumento dado por ela, e sou a maior defensora de uma alimentação rotineira livre de tudo isso. Mas quero fazer uma ressalva: a busca insana por alimentos saudáveis está se tornando uma neurose coletiva e levando muita gente a achar que é saudável comer pudim de caixinha diet com sabor de chocolate só porque não tem açúcar.

Gosto da teoria que diz que não se deve comer aquilo que seus avós e bisavós não reconheceriam como alimento. Comer saudável, antes de tudo, significa comer comida de verdade. Embora seja um assunto controverso, não há como negar que alimento transgênico não é natural, e muito menos os cultivados com agrotóxicos (porque comer resíduo de veneno junto com seu mamão pela manhã não tem nada de saudável). Nosso organismo não foi feito para digerir moléculas sintéticas e nem veneno, e eis o grande motivo pelo qual todas eles tem um limite máximo de uso permitido nos produtos industrializados e na lavoura, variando de país para país. Aliás, vale comentar que esses limites são suposições baseadas em estudos toxicológicos. Isso não significa que até o limite máximo é saudável ingeri-los , e sim que é teoricamente tolerável para seu organismo não se intoxicar. Percebeu a diferença?

Ingerir constantemente produtos industrializados com muitos aditivos, como adoçantes, gelatinas infantis, bolacha recheada, margarina etc., não é saudável. Embutidos industrializados, por exemplo, contém nitritos e nitratos, compostos comprovadamente cancerígenos. Então ao comprar seu blanquet de peru 0% gordura ao invés de uma mortadela, não pense que está optando por algo mais saudável. Light até pode ser, saudável não. Comer saudável não é simplesmente optar por produtos cujos rótulos dizem “0% gordura”, “sem açúcar”, “isento” disso ou daquilo. Em geral, tudo o que foi retirado foi substituído por outros tantos aditivos artificiais como aromas e espessantes. Por isso recomendo: leia bem o rótulo. E claro, nem todo alimento industrializado é vilão, nada disso. Existem excelentes marcas no mercado que não utilizam aditivos artificiais e produzem com primor geléias, papinhas de neném, pães para celíacos, doces para diabéticos, bolachas e uma infinidade de gostosuras. E até o bom e velho atum enlatado. Sim, atum enlatado não tem conservantes nem aditivos.

Alimentação saudável é coisa gostosa, comida bem feita, doce que é doce de verdade, que tem fruta e não aroma, carne que cheira à tempero fresco, sopinha de legumes natural. Temos sim que cozinhar com pouquíssimo óleo, optar por carnes magras, controlar o açúcar, cortar frituras, principalmente feitas em gordura hidrogenada. Mas não gosto do exagero, acredito no equilíbrio. Quem já não fez um bolinho bem gordo pra agradar o namorado, quem nunca disse “hoje eu mereço” diante de um prato de picanha com fritas ou quando é que nos reunimos sem ao menos pedir uma pizza? Comida une gente. E isso é sim saudável. A diferença entre o remédio e o veneno está na dose, já dizia Paracelso.

Manter o peso é excelente, mas estar saudável vai muito além de cortar calorias. Antes de trocar seu pudim de leite por um de caixinha diet sabor qualquer coisa, pense nisso. Se for comer, prefira comida.

Manoela Peressinoto

Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia!
Faça seu comentário:
Nome:
E-mail:
Código de segurança
Digite aqui o código de segurança mostrado na imagem abaixo.
CAPTCHA Image
Notícias relacionadas
Brownie Diet
Brownie Diet
07/08/2013
 
 
 
Sobre o Gastrovia
Anuncie
  Sugestões
Parcerias
  Cadastre seu estabelecimento
Trabalhe conosco
  Não encontrou?
Contato
Home
Notícias
  Ebooks
Cozinha de A à Z
  Vídeos
Dicas
  Receitas
Cadastre-se
 
© 2019 Gastrovia Turismo e Gastronomia